11/01/2016 - Vereador de Farol sugere monitoramento por câmeras em vias públicas

O vereador de Farol, Genivaldo Ferreira (PSD), encaminhou indicação legislativa à prefeita do município, Angela Kraus (PSDB) para que crie um projeto de lei que regule a instalação e operação de câmeras de segurança nas vias públicas do município.  Segundo ele, o sistema coibirá a ação de marginais na cidade.

Como exemplo, Ferreira citou o arrombamento da agência do Banco Bradesco no final do ano passado, que funciona ao lado da Câmara de Vereadores do município. O vereador ressaltou que se houvesse o sistema de monitoramento por câmeras na cidade provavelmente teria coibido a ação dos ladrões.  “Estes tipos de crimes causam prejuízos a nossa população de forma direta e indireta, pois não temos mais os serviços prestados pela agência do Banco do Brasil, por exemplo”, comentou.

Além de garantir a segurança na cidade, o sistema de monitoramento por Câmeras coibiria também a ação de vândalos, diz Ferreira. “É importante frisar que tendo presente o respeito à inviolabilidade da intimidade, da vida privada, da honra e da imagem das pessoas, bem como pelos direitos, liberdades e garantias fundamentais, o tratamento dos dados coletados, informações e imagens produzidos pelo sistema de videomonitoramento é vedada a utilização de câmeras quando a captação de imagens atingir o interior de residência, ambiente de trabalho ou qualquer outra forma de habitação que seja amparada pelos preceitos constitucionais de privacidade”, emendou.

Assessoria Acamdoze

 

Anexos: